Esses ácidos graxos são importantes para o bom funcionamento do corpo, e estão presentes em alimentos como o açaí, azeite de oliva, óleo de girassol, nozes, abacate, amêndoas, macadâmia e avelã.
Os carboidratos simples, se ingeridos imediatamente após o treino, elevam os níveis de insulina, o que por sua vez manda glicogênio para os músculos.Se você tem dificuldade para ganhar massa muscular e não costuma ter muita fome ao longo do dia, experimente aumentar aos poucos seu consumo de calorias líquidas, como shakes de whey e sucos de frutas mais energéticas, como por exemplo o açaí (sem açúcar).Um dos grandes aliados para o músculo é a proteína, nutriente que trabalha na construção e correta contração muscular, além de ser benéfica para a hipertrofia.Exemplo 2: leite de amêndoas com banana e aveia e tapioca com ovo mexido.E se você ainda não está convencido, saiba que inúmeros estudos têm demonstrado que pessoas que deixam de tomar o café-da-manhã acabam exagerando nas porções à mesa no restante do dia, consumindo principalmente alimentos mais calóricos e de pouco valor nutricional.Proteínas vegetais: soja, quinoa, cogumelos, lentilha, feijões, grão de bico - Acrescente proteína aos lanches intermediários (colação, lanche da tarde, ceia leite, iogurte, queijos magros, leite de soja ou de amêndoa, barras de proteínas (exceed, susteen, probiotica, Performance, sorteio de premios online Questbar.Arroz: o arroz é outra fonte rica em carboidratos.7 techtudo apple desconto anos atrás 1, aprovado 1, reprovado, comentário.
Mas como o seu objetivo é o ganho de massa muscular, coma pão francês regularmente para ter energia.
Cereais: os cereais são uma das maiores fontes de carboidratos que existem, sendo um alimento primordial para inserir na sua dieta.




O resultado é que não somente deixam de ganhar massa muscular como passam a perder a musculatura já existente (levando à tão indesejada flacidez).Nem todo carboidrato é indicado, e alimentos processados devem ser evitados, como açúcar, farinha branca e arroz branco, produtos de confeitaria e álcool.Consumir muito açúcar e gordura Como já dissemos anteriormente, comer mais não é igual a comer qualquer coisa.Ficar muito tempo sem comer, ignorar ou exagerar na suplementação, ou até mesmo comer demais são alguns fatores extra treino que podem estar dificultando ou até mesmo impedindo seus ganhos na academia.O açúcar é ainda pior, pois não tem função nutritiva nenhuma no nosso organismo e em excesso é convertido em gordura e pode até levar à diabetes (mesmo em pessoas magras).Massas: as massas também são boas fontes de carboidratos.Somente um nutricionista poderá determinar qual deve ser a sua exata ingestão diária de proteínas, mas como regra geral,.2.5 gramas de proteína por quilo de peso corporal ao dia costumam ser suficientes para quem está tentando ganhar massa muscular.Ervilhas: consumir 100 gramas de ervilhas na sua dieta de ganho de massa muscular faz com que você esteja ingerindo 6,2 gramas de proteínas.Dicas para aumentar a ingestão proteica nas refeições - Utilize proteínas nas grandes refeições.Ao consumir mais proteína você possivelmente estará tirando o lugar de outros nutrientes também importantes para o processo de hipertrofia, como os carboidratos e lipídios.Exemplo 1: iogurte com mamão e chia e sanduíche de cottage com peito peru.

Ou seja, se você é cuidadoso com sua alimentação durante a semana, mas exagera no sábado e domingo, seus ganhos obtidos através dos treinos duros na academia e da alimentação regrada durante a semana ficam seriamente comprometidos.
Mas quando falo em consumir calorias não é para comer qualquer alimento que apareça pela frente.


[L_RANDNUM-10-999]