A carga horária é limitada a seis horas diárias.
Também é possível atuar como estagiário de Arquitetura de Interiores.
O usual discurso de que advogado tributarista ganha quanto os estudantes poderão aprender os ditames da profissão é apenas uma desculpa simplória e confortável para perpetuação desse sub-emprego, uma vez que, como veremos, essa relação econômica exploratória implode a prática profissional como um todo.Esses valores tornam-se ainda mais inaceitáveis se analisadas as particularidades da profissão e as formas usuais de exploração desse trabalho.Fonte: Núcleo Brasileiro de Estágio (Nube) e Lei do Estágio (Lei.788 de 25 de setembro de 2008).Os arquitetos paulistas estão envolvidos na salvação das cidades e do mundo.Sabemos que muitos estudantes brasileiros chegaram e se mantém nas universidades com grande esforço financeiro.Como referência, o valor médio da bolsa é de 964,81 reais, segundo pesquisa realizada pelo Núcleo Brasileiro de Estágios (Nube).R 660,77, estagiário de, contabilidade, r 670,60, estagiário de, turismo.Outra coisa muito mais grave acontece com grande freqüência: os estagiários são, na prática, co-autores dos projetos de arquitetura.O que ocorre, e isso aprofunda o desrespeito do arquiteto pela própria profissão, é que o custo da remuneração justa do estagiário não é repassado pelo arquiteto para o cliente."Sempre que alguém procura uma vaga, recomendamos que faça um curso de Revit, porque raramente as faculdades oferecem esse tipo de conteúdo e nós só contratamos quem tem essa capacitação diz o arquiteto.Após 12 meses na mesma empresa, os estagiários têm direito a férias remuneradas de 30 dias.
Além disso, a existência desses sub-empregos na arquitetura é um reflexo do desprezo da sociedade pela figura do estudante.




"Com raras exceções, são pessoas que estudam pouco e não têm o hábito de pesquisar resume Cambiaghi."Por sua proximidade com a academia, os estagiários estão extremamente conectados com novidades técnicas, de materiais e conceituais, enriquecendo o debate e as oportunidades profissionais do escritório comenta o professor Enio Moro Júnior, coordenador do curso de arquitetura e urbanismo do Centro Universitário Belas Artes.De acordo com o CAU (Conselho dos.Para trabalhos com menos complexidade, recomenda-se a contratação de alunos de início de curso (1 e 2 anos) para evitar um desencantamento mútuo.Empresas com até cinco funcionários podem ter um estagiário; entre seis e dez funcionários, dois estagiários; entre 11 e 25, cinco estagiários; e a partir de 25 empregados eles podem representar até 20 da equipe.Ele ajuda na criação de projetos de imóveis, praças, parques e bairros inteiros."Nesse ponto, a experiência norte-americana é uma das mais interessantes: lá, em muitos Estados, há a obrigatoriedade do estágio em vários campos de atuação, como mercado imobiliário, obras, projetos, tecnologias, entre outros.
Isso torna a situação ainda mais caricata, porque o explorador também é explorado.


[L_RANDNUM-10-999]