o empregador pode descontar erros do empregado

Poder disciplinar - O empregador pode impor sanções aos seus empregados.
Ainda temos o Trabalhador Autônomo, Trabalhador Eventual e o Trabalhador Avulso.Assim, a sentença da 5 Vara de Contagem foi confirmada pela 2 via do comprovante de justificativa eleitoral Nona Turma do TRT e a ré obrigada a devolver os valores ilegalmente descontados dos salários do empregado.A condenação ao pagamento de horas extras pela empresa foi revista pela corte regional, com redução da quantia devida.3 da Lei.889/73.A empresa é o principal tipo de empregador pelo número de trabalhadores que reúne e pela sua importância como célula econômica de produção de bens e prestação de serviços.
"Nos termos do art.




A lei vale para todos, então, empregados e empregadores devem obedecer a algumas normas.Define-nos a regra jurídica em comento que empregador rural é a pessoa física ou jurídica, proprietária ou não, que explore atividade agro econômica, em caráter permanente ou temporário, diretamente ou por meios de prepostos e com auxílio de empregados.Conforme o setor do Direito, temos o empregador privado e público, sendo que o setor público também pode contratar pela legislação trabalhista, mas geralmente o faz de forma estatutária, ou seja, a contratação, remuneração e demissão do servidor público geralmente não são feitas através.O 2 do art.O trabalhador avulso pode ser sindicalizado ou não, mas a execução dos seus serviços será feita com a intermediação obrigatória do sindicato da categoria.O empregador é aquele que contrata o trabalhador aos seus serviços de forma remunerada, e tendo em contrapartida deste a prestação de trabalho.Esses são alguns dos benefícios que a lei oferece.2 da CLT que, sempre que uma ou mais empresas, tendo, embora, cada uma delas personalidade jurídica própria, estiverem sob a direção, controle ou administração de outra, constituindo-se grupo industrial, comercial ou de qualquer outra atividade econômica, serão, para os efeitos da relação de emprego.442 da CLT, com a nova redação dada pela Lei.949/94, nos define que não existe relação empregatícia entre o cooperado e a sociedade cooperativa, nem entre aqueles e os tomadores de serviço desta.É aquele que presta serviços em sua residência ou em oficina de família, por conta do empregador que o remunere(art.
A definição dada pelo inciso VI do art.
12 da Lei.212/91, que assim se expressa: trabalhador eventual é aquele que presta serviço de natureza urbana ou rural em caráter eventual, a uma ou mais empresas, sem relação de emprego.



Esclareça-se, por oportuno, que o parágrafo único do art.

[L_RANDNUM-10-999]